top of page

BAIRRO MAIS SUSTENTÁVEL DO MUNDO INAUGURA PRIMEIRO PRÉDIO

A cidade de Maringá (PR) ganha empreendimento estratégico com iniciativas precisas e concretas de sustentabilidade


Reprodução: Eurogarden Maringá

Um bairro brasileiro, o Eurogarden Maringá, no Paraná, tornou-se o primeiro do planeta a conquistar, simultaneamente, a pré-certificação WELL e a Certificação LEED Platinum – neste caso, com a maior pontuação na versão 4.1 Comunidades. A conquista torna o Eurogarden, o bairro mais sustentável do mundo, já que o sistema é usado em mais de 160 países. O órgão certificador é o Green Building Certification Institute (GBCI).


No próximo dia 11 de agosto, o Eurogarden Maringá inaugura o chamado Centro de Experimentação, um prédio com área de 1.489 m² preparado para ser um dos mais sustentáveis do mundo. A edificação, que já recebe clientes e visitantes, está em fase de certificação LEED Platinum e WELL Platinum.


NO TOPO DO MUNDO


O Eurogarden Maringá obteve 95 pontos de 110 possíveis e ultrapassou o hoje segundo colocado, o bairro Shangai Disney, na China, como o mais sustentável do mundo. Empreendimentos dos Estados Unidos, Índia, Japão e Itália, entre outros países, fazem parte da lista. A certificação LEED é a primeira do planeta concedida exclusivamente para obras que impactam a qualidade de vida de moradores e ocupantes.


A fim de identificar quais cidades e empreendimentos do mundo estão mais avançados em termos de sustentabilidade, as instituições United States Green Building Council (USGBC) e o International WELL Building Institute (IWBI) criaram as certificações LEED e WELL, respectivamente.


A WELL monitora os impactos dos empreendimentos na saúde, bem-estar, aumento da produtividade e conforto dos usuários. Com indicadores e métricas periódicas que analisam ar, água, nutrição, iluminação, fitness, conforto e saúde mental, o selo WELL explora uma nova agenda de sustentabilidade, visando o impacto das edificações na vida da sociedade. O Eurogarden Maringá se enquadra nas exigências e conquistou a pré-certificação. De acordo com o regulamento, é preciso ter moradores para a concessão do selo definitivo, o que deve acontecer em cerca de 4 a 5 anos.


“Estamos realizando o sonho de oferecer um bairro que prioriza a sustentabilidade e o bem-estar geral das pessoas, tanto físico quanto emocional. Maringá já é destaque nacional em qualidade de vida e indicadores econômicos e lidera o ranking dos 100 maiores municípios brasileiros como a melhor cidade para viver. Nos associamos às melhores empresas e profissionais do mundo na elaboração desse projeto e construção de obras de altíssimo nível”, enfatiza Jefferson Nogaroli, CEO do Eurogarden Maringá.


Reprodução: Eurogarden Maringá


QUASE 200 MARACANÃS


O Eurogarden Maringá é um bairro planejado em uma área de 1,4 milhão de m², equivalente a 193 campos do Maracanã. São 583 mil m² de áreas privadas e 796 mil m² públicas – que incluem o novo Centro Cívico de Maringá. A região sedia a Justiça do Trabalho, o Fórum Eleitoral e o Hospital da Criança; o Fórum Estadual está em fase de licitação. Juntas, estas edificações somam 60.400 m² com custo de construção total estimado em R$335,2 milhões (ver quadro).


O Eurogarden Maringá segue o modelo das cidades-jardim europeias e adota o conceito “one stop life”, no qual é possível ir ao trabalho, fazer compras, comer, estudar, praticar esportes e lazer sem sair do bairro. Tudo isso percorrendo pequenas distâncias a pé por caminhos arborizados e floridos.


“A proposta é reunir em um único lugar todas as demandas da vida, com saúde e bem-estar, associadas aos benefícios da proximidade com a natureza e da urbanização”, complementa Nogaroli. “O Eurogarden terá edifícios residenciais e comerciais, hospitais, escolas, farmácias, centro gastronômico, hotel, mercados, serviços públicos e um shopping center a céu aberto. Os edifícios residenciais terão studios, lofts, student house, senior living, triple A”, conta.


EUROGARDEN SEGUE MODELO DAS CIDADES-JARDIM EUROPEIAS


A iniciativa ambiciosa de construir o bairro mais sustentável do mundo é da Argus Empreendimentos Imobiliários e Sisa Construções Civis, empresas do Grupo Nogaroli, com sede em Maringá. Claudio Mukai, engenheiro e CEO da Sisa, reforça que o pilar de sustentabilidade está presente desde o início das obras, executadas com práticas que reduzem os impactos ambientais na construção.


O CEO cita como diferenciais o Plano de Gerenciamento de Resíduos (PGRCC); planejamento e escolha de materiais adequados a fim de evitar excessos e falta; utilização da tecnologia Building Information Modelling (BIM - Modelagem de Informação da Construção em português), que previne possíveis erros na elaboração do projeto e prevê adoção de medidas preventivas, evitando gastos desnecessários com recompra de materiais; treinamento de colaboradores para adoção de práticas sustentáveis como descarte correto de resíduos e uso racional de água e energia nas obras.


SUSTENTABILIDADE


O Eurogarden Maringá adota políticas de transporte e mobilidade inteligentes e investe em trânsito de qualidade, com ciclovias, bicicletários, bike stops e estações de carregamento de veículos elétricos. Toda a energia elétrica privada do empreendimento é gerada por meio de Usina de Energia Solar própria com produção anual de aproximadamente 421.667 kWh, suficiente para atender 220 casas/mês no Brasil. “Projetamos também um inovador aeroporto de drones com baixa emissão de carbono, uma aposta do futuro”, detalha Nogaroli.


O bairro possui eficiência hídrica e realiza medições constantes da qualidade da água. Além disso, conta com captação de água da chuva, que é posteriormente utilizada nos jardins por um sistema de irrigação com controle central e gotejamento. A fiação das redes elétrica e óptica é subterrânea, o que evita poluição visual ou quedas de energia causadas pelos fios elétricos expostos nas torres convencionais.


Inovador e acolhedor, o empreendimento utiliza a iluminação por meio de lâmpadas Led 3.000k; o ar é monitorado, e as cerca de 15 mil árvores adultas, plantas e flores das calçadas, praças, jardins e viveiro de mudas contribuem para o conforto térmico, colaboram para a renovação do oxigênio e atraem pássaros e pequenos animais.


Reprodução: Eurogarden Maringá


POPULAÇÃO DE 60 MIL PESSOAS


O Eurogarden Maringá dispõe de 66 terrenos para abrigar torres, com projeção de cerca de 3 milhões de metros quadrados de construção. A previsão é de que aproximadamente 60 mil pessoas, entre moradores, trabalhadores e clientes, circulem diariamente pelo bairro. O empreendimento está em sua fase 1, que disponibiliza 17 terrenos com área total de 118.370,85 m², com potencial para 532.668,80 m² de área construída. Somente nesta fase, os empreendedores investiram R$180 milhões.


As vendas dos lotes do Eurogarden começaram em julho. Duas construtoras fecharam contratos para a construção de três torres residenciais. Os terrenos medem em média cerca de 5 mil m² cada e, juntos, têm potencial para construção de 100 mil m². A primeira torre está prevista para ser lançada em novembro deste ano, a segunda em março de 2024 e a terceira em agosto de 2024. Na fase 2, com início em 2025, serão colocados à venda 49 terrenos com área total de 282.742,31 m² e potencial para 1.272.340,38 m² de área construída.


O valor dos futuros imóveis do Eurogarden Maringá deve acompanhar todos os atributos ligados ao bem-estar e à sustentabilidade do bairro. A perspectiva é que, em média, o preço do metro quadrado, em valores atuais, fique entre R$12.500 e R$13.500. Jefferson Nogaroli tem a convicção de que será um excelente investimento para quem comprar imóvel.


FUTURAS CONSTRUÇÕES


O bairro prevê que as futuras edificações tenham uma distância especial entre as torres para permitir a ventilação cruzada, o que reduz a necessidade de ar condicionado. Nas avenidas Sonia Nogaroli e Valdir Nogaroli, além da calçada padrão da prefeitura, os prédios ainda deverão ter um recuo adicional frontal de 5 metros. Destes 5 metros, dois deverão ser adicionados aos passeios públicos, o que aumenta a área das calçadas e permite maior comodidade aos pedestres. Os outros três metros serão diferenciados de acordo com o tipo de uso do empreendimento.


No caso de lotes residenciais, estes devem conter jardins. Nos lotes com serviços poderão ser instaladas mesas, espaços de trabalho e exposições. Se for escritório, os três metros extras podem ser destinados a estacionamento de bicicletas, mobiliário urbano, totens digitais, espaços de convivência, entre outros. O objetivo é eliminar barreiras visuais, que não permitam visibilidade das fachadas, e aumentar a segurança e sensação de bem-estar dos pedestres.


Os projetos arquitetônicos dos futuros prédios serão inteligentes, com brises e cortinas que diminuam a temperatura interna, priorizem a ventilação cruzada natural e, consequentemente, reduzam a necessidade do uso de ar condicionado, entre outras ações de sustentabilidade.


SMART CITY


Quando empresas e famílias chegarem ao Eurogarden Maringá encontrarão toda a infraestrutura de redes inteligentes, com superestradas de informações e pontes de colaboração para que as residências possam ter a internet das coisas (IoT) e as empresas tenham acesso a serviços personalizados para escritórios inteligentes, infraestrutura de comunicação, controle de construção, serviços de segurança e gestão. A estrutura tecnológica instalada é avaliada em cerca de R$ 5 milhões.


Com um sistema de segurança inovador, o bairro representa uma verdadeira cidade inteligente e integrada, com monitoramento 24h por meio de câmeras de reconhecimento facial, botão do pânico, monitoramento por drones - com speaker por meio do qual o operador de segurança pode falar e ouvir, aplicativo próprio que utiliza um sistema inovador de computação em nuvem, big data, telecomunicações e internet das coisas, maximizando as conexões digitais.


Um lugar seguro é aquele que tem crianças brincando nas ruas e praças. E a concepção do bairro (desde o seu desenho), a configuração prevista dos futuros prédios, com fachadas ativas, até a tecnologia, com soluções de Smart City (IOT e empresariais) têm, entre outros, o objetivo de transformar o Eurogarden Maringá em um lugar onde as pessoas tenham a sensação plena de segurança.


ATRAÇÕES, LANÇAMENTOS E PROJETOS EM ANDAMENTOS


O primeiro serviço oferecido na área privada do bairro foi o Eurogarden Café, inaugurado em janeiro deste ano. Em julho o bairro passou a ofertar a chamada Eurogarden Arena, que abriga a TenniStorm, uma escola de esportes com modalidades como tênis, beach tennis e padel; o Eurogarden Bistrô Bar; e a Clinisport Prime, especializada em treinamento e reabilitação humana.


“Muito mais do que um condomínio-clube, defendemos o conceito de uma cidade inteligente e sustentável que combina padrões de qualidade de vida, produção e consumo com aspectos socioambientais”, finaliza Nogaroli.


RESUMO - NOVO CENTRO CÍVICO DE MARINGÁ

Órgãos com possibilidades de mudança futura: Justiça Federal, Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Polícia Militar e Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal e Polícia Federal


Fonte: Eurogarden Maringá/Central Press


Комментарии


V&S Blog.jpg

 Receba notícias atualizadas no seu WhatsApp gratuitamente. 

bottom of page