• Equipe Contramarco

QUAL É O VIDRO CORRETO PARA A SAÚDE DOS PROFISSIONAIS DE RADIOLOGIA?


Divulgação: PKO do Brasil

Técnicos e demais profissionais que atuam na área estão diretamente expostos a radiações que aumentam os riscos de doenças como câncer.


De acordo com a norma NBR 61.331 – Dispositivos de Proteção contra radiação-X para fins de diagnósticos médicos, o vidro a ser utilizado em locais com grande concentração de radiação deve conter chumbo na proporção de no mínimo 22% da sua espessura em sua composição e devem ter transparência maior que 85%.


Um dos produtos que apresentam riscos é o visor multicristal (ou vidro multilaminado), pois contém apenas 2% de equivalência em chumbo em sua composição, sendo ineficaz na proteção dos agentes de saúde expostos. Embora mais espesso, este tipo de vidro não atinge metade da atenuação necessária exigida e mantém coloração esverdeada, o que interfere diretamente no quesito transparência, também avaliado pela norma.


O vidro plumbífero Corning Med-X da PKO atende a norma NBR 61.331, sendo uma possível solução para conter os riscos causados pela radiação, segundo informações da empresa.


Fonte: PKO do Brasil

19 visualizações

Tel: +55 (11) 5539-3200