ASSOCIAÇÃO CATARINENSE DAS EMPRESAS VIDREIRAS FIRMA PARCERIA COM O PROGRAMA BRASIL MAIS

A iniciativa busca aumentar a produtividade e competitividade de micro e pequenas empresas catarinenses, com capacitação oferecida pelo Sebrae/SC


Divulgação: Ascevi


A Associação Catarinense das Empresas Vidreiras (Ascevi) formalizou, recentemente, seu apoio institucional ao Programa Brasil Mais, que tem como objetivo aprimorar as capacidades gerenciais, produtivas e digitais de empresas brasileiras, promovendo melhorias rápidas e de baixo custo para os empresários catarinenses. O lançamento da parceria será realizado no canal do YouTube da entidade no dia 16 de junho, às 20h.


O evento online contará com a participação das consultoras Fabricia Borba e Mayara Techio. O ciclo três se inicia no mês de julho, com 2.200 vagas disponíveis em Santa Catarina. As inscrições já podem ser realizadas no link: http://sebrae.sc/brasilmais-ascevi


O Programa Brasil Mais oferece acompanhamento contínuo e consultorias especializadas. A capacitação dos pequenos negócios catarinenses é oferecida pelo Sebrae/SC, em que os participantes recebem acompanhamento técnico dos Agentes Locais de Inovação (ALI). A meta, em Santa Catarina, é atender cerca de 13.200 empresas, entre micro e pequenos negócios, até 2022.


Para o Presidente a Ascevi, Lino Rohden, “a importância do programa Brasil Mais é muito grande para as pequenas e médias empresas, porque o projeto apresenta várias vantagens e as melhorias oferecidas por técnicos que tratam desde o layout até desenvolvimento organizacional. Eu acho que é de muita valia isso para as empresas.”


“É com imensa alegria que comemoramos a adesão da Ascevi ao Programa Brasil Mais, para ajudar a dar notoriedade a esta importante iniciativa, que busca melhorar a produtividade de Micro e Pequenas Empresas catarinenses. Nossa missão é auxiliar os empreendedores no desempenho dos pequenos negócios, promovendo a inovação e para que se mantenham competitivos no mercado”, afirma Carlos Henrique Ramos Fonseca, diretor superintendente do Sebrae/SC.

COMO PARTICIPAR DO PROGRAMA BRASIL MAIS?