ELABORAÇÃO DE NORMA SOBRE WOOD FRAME AVANÇA NA ABNT

2/5/2017

 

O Wood Frame, sistema construtivo consolidado no exterior, vem se desenvolvendo no Brasil há menos de dez anos, mas em breve suas especificações deverão ser disponibilizadas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A Comissão de Estudo do Comitê Brasileiro da Construção Civil (ABNT/CB-002) já avançou muito na discussão de Projeto e Execução, partes importantes da norma que abrangerá também requisitos gerais e componentes, entre outros itens. A expectativa é que no final deste semestre ou início do próximo o Projeto de Norma seja submetido à Consulta Nacional.

 

Instalada em 2016, a Comissão de Estudo vem atuando há 10 meses com três grupos de trabalho focados em Projeto, Execução e Desempenho. Na última reunião, realizada em 18 de abril, em Curitiba (PR), foi criado um quarto grupo, dedicado a Materiais. Todo o resultado desse esforço deverá ser reunido no próximo encontro, que deverá ocorrer no início de junho, e então estará pronto o Projeto de Norma para seguir o processo de aprovação e eventuais ajustes.

 

Diferentes entidades, como a Abimci (Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente) e profissionais ligados às indústrias madeireira e de construção civil fazem parte da Comissão de Estudo responsável pela elaboração da norma, que ajudará a determinar um caminho moderno e sustentável para sistemas construtivos.

 

“O Wood Frame possibilita uma obra com funcionalidade e melhor desempenho ambiental, fatores que atendem aos apelos por sustentabilidade e às características do Brasil”, destaca Euclesio Finatti, coordenador da Comissão de Estudo e vice-presidente da área técnica do Sinduscon-PR. Ele complementa, como exemplo, que a variação de temperatura com o uso desse sistema é de 18 a 22 graus, um conforto térmico adequado às necessidades do País.

 

Segundo o coordenador da CE, o sistema, entre outras vantagens, não causa desperdícios na natureza porque utiliza painéis de madeira de reflorestamento, reduz relevantemente os resíduos em obras e tem ainda a seu favor a rapidez. É possível levantar uma casa de 50 metros quadrados, incluindo a cobertura, em quatro horas. Em 10 dias ela será entregue ao usuário final. “Não existe outro sistema com este apelo no Brasil”, ele conclui.

 

A participação nos Comitês Brasileiros e nas Comissões de Estudo da ABNT é voluntária e aberta a qualquer interessado. Para participar desta Comissão, basta enviar um email para o analista responsável: alvaro.almeida@abnt.org.br.

 

Fonte: ABNT

Please reload

Publicidade:
banner_saie.gif
banner_premiomarca.gif

Tel: +55 (11) 5539-3200