Buscar
  • Equipe Contramarco

GRUPO ROTO LANÇOU TECNOLOGIA ANTIVIRAL PARA PUXADORES DE JANELA


Fotomontagem: Fenestration News/Reprodução

Os puxadores de janela do grupo Roto estão disponíveis, desde o final de 2020, com um revestimento especial projetado para reduzir a possibilidade de disseminação de vírus pelo toque.


O novo revestimento é denominado Roto AVT ou Tecnologia Antiviral. Ele funciona de duas maneiras: em primeiro lugar, evitando que os vírus se fixem na superfície e, em segundo lugar, com ingredientes ativos que desativam ou “matam” quaisquer partículas de vírus que entrem em contato com o acessório. No Brasil, o produto pode ser adquirido pela Roto Fermax, empresa do grupo, sob consulta.


O item é descrito como “transparente, de camada fina e quase imperceptível ao toque”. O revestimento, que também é resistente aos raios ultravioleta, tem uma superfície muito dura e sem poros. A camada superior cria o efeito de lótus, evitando que a umidade e contaminantes adiram à superfície. Isso significa que as gotículas contendo partículas de vírus têm muito menos probabilidade de permanecer no puxador.


A proteção adicional é fornecida por ingredientes ativos no revestimento, que têm um efeito biocida, fungicida e virucida para tornar os organismos capazes de causar doenças inativos. Esses organismos neutralizados incluem os vírus influenza (H1N1) e SARS-CoV-2 (COVID-19).


Testes de certificação provaram que a superfície Roto AVT permanece eficaz, mesmo em acessórios que são utilizados com frequência. A marca está disponibilizando documentação de teste para todos os clientes que compram o item com o revestimento especial.


Chris Cauwenberghs, chefe de requisitos de mercado e marketing da gama de produtos da Roto da Europa Ocidental, disse: “Este é mais um passo em frente em superfícies da Roto e, claro, muito oportuno. Tecnologia semelhante já é usada em hospitais para revestir estrados de camas e outros equipamentos médicos. O revestimento Roto AVT é, portanto, adequado para janelas usadas em ambientes com rígidos requisitos de higiene. Isso obviamente inclui todos os ambientes médicos e também vale a pena considerar para lares de idosos, escolas, escritórios, hotéis - qualquer lugar onde as janelas sejam operadas por muitas pessoas diferentes ”.


Fonte: Fenestration News

10 visualizações0 comentário