• fonte: ABRAMAT

INDÚSTRIA DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CRESCE 0,1% NO 1º TRIMESTRE DE 2019


A ABRAMAT (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) divulga nesta segunda-feira, 08, a nova edição da pesquisa do Índice, com os dados projetados do faturamento e emprego no setor em março. O destaque da edição é o fechamento do primeiro trimestre com crescimento mínimo.

Com alta de 5,1% no faturamento frente a fevereiro e 2,9% em relação a março/18, o resultado expressivo observado no mês de março/19 é relativizado pelas quedas consecutivas do início do ano, mas garantiu um final de primeiro trimestre positivo. O índice indica crescimento acumulado no ano de 0,1%, ou seja, a soma dos altos e baixos observados no primeiro trimestre de 2019 resultou na manutenção da média de faturamento observada no primeiro trimestre de 2018.

Analisando o número de empregos, o panorama é semelhante, ainda que ligeiramente mais positivo. Março/19 apresenta queda em relação a fevereiro de -0,3%, mas desempenho positivo de 0,5% em relação a março de 2018. O saldo segue positivo no acumulado dos últimos 12 meses, no qual a indústria registra aumento no número de vagas em 1,7%, e no acumulado do primeiro trimestre, com alta de 0,6%.

Para Rodrigo Navarro, presidente da ABRAMAT, o resultado de março indica a manutenção do reaquecimento do setor, mas que seguirá tímido caso o panorama atual não seja alterado. "A indústria de materiais de construção segue dando sinais de recuperação, ainda que com variações negativas em alguns momentos. Isso é reflexo de que a estabilização da economia doméstica criou bases para o crescimento, mas por si só não é suficiente. A retomada nos investimentos na construção imobiliária (residencial e comercial), e em obras de infraestrutura, além da efetiva inclusão do setor de materiais de construção à Indústria 4.0 são fundamentais para observarmos ganhos mais robustos no nosso faturamento" observa Navarro.


30 visualizações

Tel: +55 (11) 5539-3200