Edição nº143 mai/jun 2020

A PRESENÇA CRESCENTE DO VIDRO 
NAS FACHADAS E ESQUADRIAS

Colaborou: Stephanie Fazio

Já imaginou como seria a sua vida se o vidro não fizesse parte das construções? Simplesmente não haveria iluminação natural por meio de esquadrias envidraçadas, dotadas de atenuação sonora, proteção térmica, segurança e integração das áreas internas e externas das edificações, sem mencionar a elegância visual aplicada nos projetos arquitetônicos, entre outros inúmeros benefícios. 

Com tantos modelos e funções disponíveis, graças à evolução tecnológica, o vidro se tornou um grande aliado da construção civil, um elemento com forte presença na arquitetura em todas as suas vertentes, da tradicional à moderna, da arquitetura contemporânea à criativa e incomum.

O vidro está presente na história humana há cerca de 6 mil anos. Mas sua utilização como produto reciclável e aplicado em janelas com a reunião de pequenos pedaços para criar uma composição (no formato de vitral) surgiu somente na época do Império romano, por volta de 2.000 anos atrás! 


Desde então, o vidro não parou mais de evoluir, integrando recursos tecnológicos e se tornando “inteligente”. Hoje, já é possível regular o nível de transparência do vidro e a incidência de luz desejada no ambiente com a inclusão de dispositivos no corpo do material. E com a chegada da internet das coisas (IoT) e o uso de softwares específicos, novas opções de uso estão a caminho.

CASAMENTO OU PARCERIA

De um modo ou de outro, podemos chamar a união entre o vidro e a esquadria de uma “combinação de sucesso”. Os dois produtos hoje formam um conjunto que, ao ser bem projetado, fabricado e aplicado (idealmente conforme os requisitos da norma técnica) irá garantir conforto e segurança de uso em qualquer tipo de edificação — residencial, comercial, industrial, hospitalar, entre muitos outros tipos — com a especificação técnica adequada para cada caso.

SETE PRINCIPAIS ATIVIDADES ESTÃO LIGADAS AO TEMA  

Durante algumas semanas, a equipe Contramarco entrou em contato por e-mail e por telefone com arquitetos, especialistas (consultores e colunistas), dirigentes de entidades, empresas sistemistas, indústrias de vidro, beneficiadores e fabricantes de esquadrias para obter um bom apanhado sobre o tema, as novidades disponíveis e as tendências nesse mercado. 

Recebemos muitos detalhes importantes e esclarecedores, e as informações selecionadas estão presentes no texto a seguir, que reúne relatos de todos os que atenderam nossa equipe e enviaram as informações solicitadas.

 

Vale conhecer e aproveitar as dicas de cada uma das sete áreas principais que, em conjunto, colaboram para que esse “casamento” entre a esquadria e o vidro seja cada vez maior e bem-sucedido.
 

Publicidade:
banner ok.gif
Leia a matéria na íntegra na Edição nº143 mai/jun 2020 - solicite seu exemplar
 Acesse a edição digital - conteúdo exclusivo para assinante   
 

Tel: +55 (11) 5539-3200