Edição nº142 mar/abr 2020

ENTREVISTA: Luciano Nakad Marcolino, presidente executivo da Associação Brasileira para a Qualidade Acústica (ProAcústica)
 

O ANO INTERNACIONAL DO SOM E O CONFORTO ACÚSTICO

CONTRAMARCO — “Criada em 2010 e lançada ao mercado em 2011, a ProAcústica – Associação Brasileira para a Qualidade Acústica nasceu da iniciativa de empresas e profissionais que identificaram a oportunidade de divulgar a toda a sociedade, a importância da qualidade acústica nas edificações e no meio ambiente, como fator de bem-estar e de saúde pública”. 

Esta afirmação (copiada do site www.proacustica.org.br) sintetiza o objetivo da entidade. Faça aqui um retrospecto breve dos marcos históricos e realizações da associação. 

LUCIANO NAKAD MARCOLINO — Nesses quase 10 anos de existência, a ProAcústica se orgulha de ter mobilizado para o seu quadro associativo, entre fundadoras e afiliadas, 80 empresas associadas, sendo 12 fundadoras, 62 efetivas e 6 beneméritas. Das 74 empresas ativas, 36 são fabricantes de produtos acústicos, 22 consultorias em projetos de acústica, nove empresas de instalação e distribuição, cinco laboratórios, e dois escritórios de arquitetura e engenharia. 

Entre os principais marcos históricos da associação, está a formação e constituição dos Comitês de Atividades Técnicas (Acústica Ambiental, Edificações e de Salas Especiais) e a composição, no âmbito dos comitês, dos Grupos de Trabalho, entre eles os GTs INAD, Mapa de Ruído, Norma de Desempenho, NBR 10151 Qualilab,  Condicionamento Acústico, Controle de Ruído e Vibrações, entre outros.

CONTRAMARCO — Comente sobre a importância do INAD e de outras  questões sobre acústica.

LUCIANO NAKAD MARCOLINO — Foi por meio dos Comitês de Atividades Técnicas e GTs que conseguimos realizar o Dia Internacional de Combate à Poluição Sonora (INAD). Ação fundamental para a aprovação da Lei 16.499, que ordena a elaboração do Mapa do Ruído Urbano do Município de São Paulo. 

Outro ponto fundamental na história da entidade é o trabalho de acompanhamento técnico na revisão e elaboração de Normas Técnicas de Acústica. Essa ação coordenada acontece junto às Comissões de Estudos Especiais da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), como a CEE 196 – Acústica; CE – 002:136.001 Desempenho de Edificações; entre outras Comissões, que contam com a participação efetiva do corpo técnico da ProAcústica. 

Além disso, gostaria de destacar a produção de conteúdo com as publicações técnicas, como manuais, vídeos, textos e artigos; os Programas de Qualificação para Laboratórios de Campo para Acústica em Edificações; a participação em feiras, congressos e eventos; e o trabalho de comunicação que a entidade realiza por meios digitais e nas mídias eletrônicas e impressas, com conteúdo atualizado e de qualidade.

 

UDINESE, PIONEIRISMO E QUALIDADE

Publicidade:
banner ok.gif
Leia a matéria na íntegra na Edição nº142 mar/abr 2020 - solicite seu exemplar
Acesse a edição digital - conteúdo liberado temporariamente
 

Tel: +55 (11) 5539-3200